Aeroporto 100% privado é improvável, diz diretor da Anac

Possibilidade demandaria a criação de inúmeras novas regras, inviabilizando o projeto por um longo tempo

São Paulo – O diretor de Infraestrutura Aeroportuária da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Rubens Carlos Vieira, considera improvável que seja autorizada a construção de um novo aeroporto 100% privado em São Paulo, como chegou a ser novamente aventado pelo governo federal ao longo do ano passado.

Segundo ele, para que fosse possível conceder a autorização para a construção de um aeroporto totalmente privado, seria necessário criar inúmeras novas regras. “A Anac não recebeu nenhum pedido, então não tenho como antecipar qual seria a decisão. Mas penso que eu teria de realizar uma chamada pública para ver se mais alguém teria interesse em construir um aeroporto em São Paulo”, disse.

Na sua avaliação, isso inviabilizaria o projeto por um longo tempo. “Não seria uma autorização comum. Seria uma autorização contratual cuja fronteira com uma concessão seria uma linha extremamente tênue.” Vieira participou hoje, em São Paulo, de um evento do setor de turismo.