Gestante perde bebê após ser orientada a voltar para casa no DF

Jovem de 19 anos, grávida de 37 semanas, procurou hospitais no Gama e em Santa Maria, foi avaliada e liberada

Igo Estrela/MetrópolesIgo Estrela/Metrópoles

atualizado 11/06/2019 23:26

Uma jovem de 19 anos grávida de 37 semanas perdeu o bebê nesta terça-feira (11/06/2019), após ser orientada por dois hospitais públicos do Distrito Federal a voltar para casa. A gestante deu entrada no Hospital Regional do Gama (HRG) nos dias 5 e 8 de junho.

Nessas datas, segundo a direção do HRG, ela foi atendida e avaliada pela equipe de obstetrícia, que teria constatado o bom estado da mãe e do bebê. Naquela ocasião, ela não estava em trabalho de parto e os batimentos cardíacos fetais estavam normais, conforme informou a Secretaria de Saúde (SES).

No dia 6 de junho, a mulher procurou o Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), onde também foi avaliada e orientada a retornar para casa. De acordo com a SES, mãe e filho apresentavam boas condições de saúde e não havia sinais de trabalho de parto.

Nesta terça, a gestante retornou ao HRG, foi atendida, e exame clínico constatou o óbito do feto. Uma ecografia foi realizada para confirmar a suspeita da morte. De acordo com o hospital, o bebê já havia morrido quando a grávida chegou à unidade. A jovem está internada e segue em procedimento para expulsar o neném.

Por meio de nota, a Secretaria de Saúde disse se sensibilizar com a família e lamentar o ocorrido.

Últimas notícias