Famosa decoradora, Valeria Leão Bittar ensina práticos arranjos

A coluna visitou um mercado de flores com a profissional do ramo de festas mais bombada do momento

Raimundo Sampaio/Esp. MetrópolesRaimundo Sampaio/Esp. Metrópoles

atualizado 11/06/2019 17:45

A decoradora de festas brasiliense Valéria Leão Bittar está com seu Ibope lá no alto. Uma das maiores influenciadoras brasileiras, Tássia Naves, a escolheu para decorar seu casamento. Conhecida pelo bom gosto e agilidade, a decoradora faz as maiores festas do Distrito Federal e, no momento, está expandindo para São Paulo e Belo Horizonte.

Aproveitando esse momento de sucesso e reconhecimento, Valéria nos encontrou no mercado de flores Matsuflora Garden Center, onde deu uma verdadeira aula sobre como fazer arranjos práticos e com um custo razoável. Com ajuda de dois assistentes, a profissional nos mostrou como criar três tipos de arranjos diferentes: um rústico, um orgânico e outro moderno.

Seguindo Valeria pelo mercado, nota-se sua familiaridade com todos os tipos de plantas, flores, musgos e vasos. Depois de ter escolhido a composição dos arranjos, partimos para filmar o passo a passo da montagem de cada um.

O primeiro foi o arranjo rústico. O processo consistiu na montagem de flores em pequenos vasos de barro em diferentes alturas. Valéria ensina que você pode encaixar um vaso no outro, colocar as flores na terra e finalizar com musgos.  O importante aqui, segundo a decoradora, são as diferentes alturas.

 

O arranjo orgânico é o que está mais na moda no momento, informa Valéria. Ela escolheu montar a decoração em cima de um tronco de árvore. Mini orquídeas foram separadas para serem colocadas com arame, como se estivessem brotando do tronco. “Eu deixei as raízes aparentes e isso dá o ar de um arranjo orgânico”. A  combinação das mesmas suculentas de diferentes tons resulta em um acabamento interessante com o musgo.

O arranjo moderno tem uma proposta totalmente diferenciada. Para completá-lo, foram separados vasos de vidros transparentes, água  e quatro ramalhetes de tulipas brancas. Valeria montou um vaso em cima do outro. O processo todo durou dois minutos para ficar pronto. Ela juntou também dois vasos com um bambu da sorte (Dracaena sanderiana),  que pode durar anos só trocando a água. O resultado ficou incrível.

Foi uma tarde informativa e deliciosa. Rubens Matsunaga nos recebeu muito bem em seu espaço, nos disponibilizando  seu acervo e funcionários. Agora, é só usar a criatividade e começar a brincar com as plantas usando as dicas da maravilhosa Valeria para deixar sua casa com a cara de dias festivos!

 

SOBRE O AUTOR
Claudia Meireles

Acumula temporadas de estudos nos Estados Unidos, França e Inglaterra. Em Nova York, trabalhou no mercado de artes. Após uma década vivendo no Rio de Janeiro, onde atuou na Galeria Luciana Caravello, decidiu retornar a Brasília. Atualmente assina uma coluna social no portal Metrópoles.

Últimas notícias